Blog

sistema de gestão empresarial

Conheça as vantagens de implementar um sistema de gestão empresarial na indústria

A implementação do sistema de gestão empresarial (ou ERP) é benéfica a negócios de diferentes segmentos por proporcionar inteligência e controle dos processos. No entanto, essas vantagens são particularmente relevantes na indústria.

O que pode ser determinante no alcance de vantagens competitivas frente ao mercado. Neste sentido, o sistema influencia principalmente os setores industriais mais complexos, como:

  • Maquinário industrial e seus componentes;
  • Automotivo;
  • Alta tecnologia;
  • Aeroespacial e defesa.

A seguir, conheça os motivos para investir no sistema de gestão empresarial na indústria e como escolher um parceiro.

Leia também: Como as tecnologias disruptivas impactam indústrias em processo de transformação digital?

4 vantagens do sistema de gestão empresarial na indústria

O sistema de gestão empresarial traz uma série de benefícios para as indústrias. O que envolve desde o relacionamento com fornecedores até a produção industrial, passando pela gestão financeira e a gestão de estoque.

Assim, é possível otimizar os processos, ter uma visão clara de toda a operação e melhorar o gerenciamento da empresa como um todo. Confira os principais benefícios!

1. Controle da produção e qualidade

O controle da produção e de qualidade são aspectos relevantes na estruturação da indústria e para obter resultados compatíveis com os custos dos processos.

Para atingir estes objetivos, o sistema ERP viabiliza a integração das diferentes etapas da cadeia de suprimentos, controle de estoque, atendimento às normas ISO (Organização Internacional de Normalização) e gestão da produtividade.

Leia também: Como funciona o planejamento e controle de produção no setor industrial?

2. Redução dos desperdícios

O controle automatizado proporcionado pelo sistema de gestão empresarial garante que a indústria reduza desperdícios decorrentes de falhas nos processos.

Por exemplo, a matéria-prima é separada de acordo com a validade. Isso evita que insumos sejam descartados sem uso devido ao tempo indevido de armazenamento.

3. Precificação coerente

Por unir todas as informações dos departamentos, o sistema de gestão empresarial permite mapear todos os gastos e considerar pequenas variáveis. Seja dos preços da matéria-prima, produção, maquinário, logística ou distribuição.

Devido a esses fatores, o sistema proporciona uma precificação mais coerente e estratégica. Isso evita que a indústria tenha prejuízos e mantenha os preços finais mais competitivos.

4. Relacionamento com clientes e fornecedores

Um dos desafios de muitas indústrias é manter a eficiência na comunicação com fornecedores e clientes. Ambas as estratégias garantem fluidez na produção, como na entrada (matéria-prima) e na saída (produto final).

Neste caso, o ERP dispõe de funcionalidades para otimizar o relacionamento com esses grupos de interessados. O que garante mais assertividade na comunicação e integração dos dados, seja em relação aos contratos com parceiros ou histórico de compra dos consumidores.

Leia também: 10 principais indicadores de desempenho na indústria

Quais os diferenciais do SAP Business One?

Escolher um sistema de gestão empresarial eficaz e reconhecido é fundamental para garantir melhores resultados na indústria. Isso porque o segmento tem particularidades que necessitam a eficácia dos processos e da própria operação.

O SAP Business One é um sistema de gestão empresarial presente em mais de 170 países e distribuído no Brasil pela Ramo Sistemas. O software inclui funcionalidades para todos os departamentos da indústria, como:

  • Gerenciamento e administração;
  • Contabilidade e finanças;
  • Compras e operações;
  • Vendas e prestações de serviços;
  • Gerenciamento de projetos e recursos;
  • Produção e MRP;
  • Inventário e distribuição.

Para oferecer esses recursos com mais eficiência, a ferramenta utiliza tecnologias inovadoras, como Big Data, Machine Learning, Internet das Coisas, soluções na nuvem e análises preditivas.

Com a Internet das Coisas, por exemplo, é possível conectar as áreas operacionais ou máquinas com o SAP Business One via sensores para alertar responsabilidades em caso de falhas. Dessa forma, as indústrias, principalmente de segmentos complexos, minimizam os erros do processo produtivo.

Quer saber mais sobre o sistema ERP e os benefícios para as indústrias? Conheça o SAP Business One!